Recomeçar

Recomeçar
Assim como a fênix meu destino é o de renascer das cinzas. Quando acredito ter me aproximado de algo, na verdade este é o momento de abandonar tudo e recomeçar. Sempre de uma nova forma. De uma nova maneira, para que assim eu possa viver muitas vidas em uma única vida. (By Edna Vezzoni)

sábado, 21 de novembro de 2015

Um lamento.


Profundamente triste.
A ambição humana é tão infinitamente desmedida que nos transforma em Desumanos. Estamos destruindo a nossa casa e nos autodestruindo.O crime cometido pela Samarco é muito maior e mais grave do que se possa imaginar. Ah, se esta LAMA chegar ao MAR!!! 
A lama é símbolo da morte e o mar o símbolo da vida e do encontro destas duas forças, a morte tende a ganhar posto que a vida é tão frágil que se esvai em um segundo.
Meus pêsames pela vida que se vai.

segunda-feira, 9 de novembro de 2015

No Fio da Navalha


Em Defesa da Mulher II 

Ontem, dia sete de novembro de dois mil e quinze, fomos para as ruas da nossa cidade (Assis SP) em defesa da mulher e contra a PL do deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), acusado recentemente de envolvimento em esquema de corrupção.
Estávamos em algumas dezenas de pessoas, é fato, porém isto não retirou o mérito da grandiosidade da proposta por nós elencada.  Fizemos muito barulho. Chamamos atenção. Digo que o protesto valeu a pena pois, se uma única mulher que já teve de passar por um aborto e em nosso ato se sentiu confortada, e de alguma forma apoiada já é um bom começo. O protesto também valeu a pena se após a nossa manifestação alguma mulher passou a refletir sobre a sua própria situação...  
Qual a percepção do resultado desta nossa manifestação?
Conclui que em sua maioria, as mulheres da nossa cidade ainda vivem na mais absoluta alienação. Desconhecem os seus direitos, sequer chegam a tomar conhecimento do tamanho do poder que é o legado de toda e qualquer mulher desde o princípio de todas as eras. Desconhecem o fato de que quem dita as leis sobre os nossos corpos ainda são os homens, muitos dos quais ainda presos em arraigadas crenças seculares, travestidos de moralistas defensores da família. Família? De qual família estamos falando? Daquela em que o homem chega trêbado de bêbedo e saí espancando esposa e filhos? Daquela, cujo homem engravida uma mulher e a abandona ao Deus dará com a sua semente germinado no útero dela e com toda uma prole por criar? Daquela, cujo casal vive em eterno conflito, fazendo das suas vidas um verdadeiro inferno, e arrastando seus filhos neste eterno queimar de irracionalidade no qual pai e mãe estão presos em um laço de ódio, de inimizade? Daquela em que pais violentam os filhos? Daquela na qual a filha é obrigada a viver no incesto e manter-se calada? Sinto muito, mas isto não é família. É purgatório em vida.
Mulheres da nossa cidade, na qual muitas já praticaram o aborto por suas razões, sim, existe uma razão para tal ato, e cada mulher tem a sua, e ainda posam de santas abnegadas porque a sociedade não pode saber disto. Muitas carregam esse peso, o peso da culpa que lhes foi imposta por uma sociedade machista, hipócrita, moralista e aparentemente religiosa. E este peso que lhes consome útero e alma jamais poderá ser aliviado e muito menos confessado por ser considerado crime. Seres machos da espécie humana não tem o direito de decidir o que a mulher pode ou não pode fazer com o seu corpo. (Esse direito de escolha somente pode ser dado a um casal em que ambos decidem).  Estou fazendo apologia ao aborto? Não! Estou dizendo que o quê a mulher faz com o seu corpo não é da conta do estado ou da religião. (Se é crime, baseado em conceitos religiosos, então o julgamento é da competência das Esferas Superiores dos Mundos entre os Mundos e não dos homens). É da conta dela, da mulher e do seu livre arbítrio. Principalmente se ela foi vítima de um estrupo. Tem todo o direito de recorrer a pílula do dia seguinte. (Pasmem, na era das cavernas as mulheres já tomavam determinadas poções anticonceptivas após o coito indesejado). E aqui, neste caso não adianta tapar o Sol com a peneira. Trata-se de uma cruel realidade. Mulheres morrem todos os dias por abortos mal realizados. Não é um decreto ou uma lei que irá coibir o fato, muito pelo contrário, isto perdurará de forma clandestina matando mais e mais.  
Alguns assuntos sequer deveriam ser pautas para discussão, como a igualdade de gênero por exemplo, ou a homossexualidade, infelizmente estes assuntos precisam emergir cada vez mais por conta de mentes tacanhas, temerosas daquilo que desconhecem e pelos falsos moralistas.
Findo com um: Mulheres unidas jamais serão vencidas posto que a força é do homem, mas o poder é nosso!
Edna Vezzoni

P.S: Sou Feminista. Apenas conclamo as mulheres para uma reflexão: - Nos defender sempre, fazer valer os nossos direitos a cada inspirar e expirar sem cair nos mesmos erros do machismo implantado há séculos na sociedade. 

sexta-feira, 6 de novembro de 2015

Em Defesa da Mulher.


Em Defesa da Mulher.

Que estranha criatura é essa? A fêmea da Raça Humana por nós conhecida como Mulher!
Se é do seu ventre, que todos os machos da espécie humana, dele advém e se são por nós conhecidos como Homens a englobar ambos os gêneros, por que devemos nos sujeitar e aceitar mansamente o que esses machos nos impõem?
Acaso eles sangram a cada ciclo de vinte e oito dias?
Acaso eles carregam em seu útero inexistente o fruto das suas sementes?
Acaso eles produzem leite dos seus mamilos para alimentar a prole por nós fêmeas gestadas? Não! Então por qual motivo ainda permitimos que eles (Cunhas, Bolsonaros e Felicianos) nos digam o que podemos ou não podemos fazer com os nossos corpos?
Em nada somos inferiores a eles, os machos. Temos sim as nossas diferenças, principalmente a força bruta, isto é inquestionável.
A força vem dele, mas o poder é da mulher. E não! Não queremos agir como os machos, queremos apenas o que é nosso de direito. Somos seres humanos. Temos alma. Diferentemente do que foi discutido por bispos e padres no século V durante o Concílio de Macon se a mulher era um corpo provido ou desprovido de alma? Podemos afirmar sem medo de incorrer em inverdades, sim, nós mulheres temos Alma. Não nascemos para decorar casas, não nascemos para ser objeto. Não nascemos para ser escravizadas, torturadas ou violentadas.... Não, não nascemos para viver eternamente sob o jugo de alguns machos insensatos.
Se executamos uma tarefa tão bem quanto o macho a executa porque a discriminação em relação as fêmeas?
Somos tão capacitadas quanto eles, possuímos cérebro. Somos seres pensantes. Raciocinamos. A lógica não é uma propriedade masculina.
Quem decretou a inferioridade da fêmea humana? Ninguém mais do que eles, os machos humanos do passado com suas mentes torpes, tacanhas, retrogradas.         
Esses  mesmos machos vis travestidos de senhores das Leis que em pleno século XXI continuam a nos impor goela abaixo suas ideias Patriarcais estapafúrdias. Chega de tanto abuso contra a mulher. 
Assim sendo, não deveria existir competição entre o macho e a fêmea da raça humana, mas sim a cumplicidade, a amizade, o companheirismo de seres que se complementam.
Se isto é ser, Feminista? Sou, com muito orgulho da minha condição de um ser que nasceu dentro do gênero feminino da espécie Humana.

Edna Vezzoni

quinta-feira, 5 de novembro de 2015


Por um trânsito mais gentil nas ruas de ASSIS S.P.
Quantos de vocês já derramaram lágrimas e ainda as derramam no dia de finados, e em todos os outros dias da sua vida, por uma vida brutalmente ceifada nas ruas, avenidas e estradas da nossa cidade e do nosso país?
Um povo bem-educado e devidamente esclarecido conhece os seus direitos e deveres de cidadão.
As calçadas foram feitas para os pedestres. As ruas projetadas para os motorizadas. Nas faixas de travessia a prioridade é do pedestre. 
Chega de morte, chega de dor.


Como você se sente???
Diante de todo esse absurdo político que vem ocorrendo em nosso País e perante a minha Impotência apenas me resta um sentimento, esse sim, (próprio da minha ética, moral e cívica) me é possível expressar e talvez colaborar para acordar aqueles que ainda permanecem deitados em berço esplendido. Seja por ignorância dos fatos ou por puro comodismo.
O sentimento ao qual me refiro é a INDIGNAÇÃO.
(Indignação é um substantivo feminino na língua portuguesa relativo a ação ou efeito de se indignar, ou seja, sentir raiva, desprezo e frustração por algo considerado ofensivo, injusto ou incorreto.)
Somos todos, vítimas de Governantes sem escrúpulos e qual de vocês aceita dizer BASTA de CORRUPÇÃO?


quarta-feira, 28 de outubro de 2015

Pelo Plantio de Árvores em Assis S.P!


Por que isto é importante.

Uma cidade que planta árvores em suas calçadas é uma cidade mais acolhedora.
O povo de uma cidade que planta árvores, mostra ao Mundo o quanto se importa consigo, com o outro, com o Meio Ambiente que legará aos seus herdeiros.
É uma cidade que luta pela preservação da Natureza. Da Fauna e da Flora.
É uma cidade em que todos se orgulham!!!

Para assinar clique no link

sábado, 27 de junho de 2015

Ritual de Kwan Yin.


Ritual de Kwan Yin.
Seu dia: 28 de março.  
Perfeito para ser feito aos sábados.
O melhor horário é as dezoito horas, porém pode ser feito dentro do seu melhor horário.
Kwan Yin é a Deusa chinesa da compaixão. Aquela que ouve o choro do mundo. Protetora dos lares. Da cura. Da bondade e da felicidade.
Neste dia você pode fazer uma “caridade” em nome de Kwan Yin, indo visitar um orfanato, por exemplo. Ou prestando socorro a alguém que esteja necessitando.
Ou, você pode trabalhar com ela fazendo um pequeno ritual.
Compre uma rosa cor de rosa, e coloque-a em um solitário. Ao lado coloque uma taça com água, um incenso de rosas e acenda uma vela cor de rosa.
Feche os olhos e pronuncie seu nome varias vezes.
“Kwan Yin, senhora da compaixão”.
(até você sentir que foi o bastante, que o nome se transformou em um mantra, cuja energia, leve, como o roçar de véus pelo seu corpo, comece a te envolver). Neste momento você deve desenvolver uma espécie de litania de petições.
Kwan Yin, senhora da compaixão. Afaste de mim, o medo (diga qual).
Ou, afaste de mim (tal dificuldade).
Kwan Yin, senhora da compaixão, proteja o meu lar. (ex).
Kwan Yin, senhora da compaixão, proteja meus filhos. (ex).
Kwan Yin, senhora da compaixão, leve alegria ao coração de (fulano/a). (ex).
(e assim por diante. Você pode pedir por si, pelos outros, pelo planeta. Pode pedir amor, compaixão, saúde, harmonia, etc).
Tendo concluído, agradeça a Grande Bodhisattwa Kwan Yin e retorne aos seus afazeres.
Querendo, você pode refazer esse trabalho, em todos os sábados, ou em um sábado por mês. Ou não. Você que sabe!!!
Feliz seja o seu contato com Kwan Yin!!!
Abençoados sejam e “An Ianna Lon Ya”.

domingo, 31 de maio de 2015

Exercício do Perdão.




Exercício do Perdão. Próprio para ser feito nas segundas-feiras de lua crescente para cheia.

Melhor horário: após as dezoito horas.
Deusa mais apropriada: A Egípcia Ísis.


Antes de iniciar o exercício proposto, providencie um ambiente calmo e acolhedor. Fique na penumbra, com apenas a chama de uma vela branca.
Sente-se confortavelmente e faça o mantra RAMA (o som nasce da garganta) por 09 vezes, visualizando a cor dourada ao redor do plexo solar.
Coloque uma música suave. Sem letra.
Seus pés devem estar firmemente fixados no chão. Coluna ereta. Mãos cruzadas, (direita sobre a esquerda) repousando sobre o colo.
Feche os olhos. Respire profundamente. Inspire bem devagar contando mentalmente, 1, 2, 3,4. Segure o ar contando 01, 02. Expire suavemente 1, 2, 3,4. Repita o exercício + 3x.
Mantenha o ritmo respiratório.
Pausa.

Visualize-se vestida de branco. “pintada” com uma tinta ou uma luz imaginária, a roupa que você está usando nesse momento.
Comece pelos sapatos, as meias, a parte inferior, a roupa íntima, a parte superior, os acessórios.


Visualize uma escadaria branca, majestosa, à sua frente. Como as dos filmes inesquecíveis, com degraus largos, seguros. Um corrimão firme de cada lado e um patamar no final dela. Caminhe em direção á escada.
Vá subindo os degraus lentamente. Para cada degrau escalado, deixe em baixo alguém que lhe causa (ou causou) algum tipo de preocupação, mal estar, ou que tenha lhe ofendido.
Não precisa ser necessariamente, alguém de quem você não goste, ou que não goste de você, (seres encarnados ou desencarnados), mas também as pessoas que estão com algum tipo de problema para o qual você não tem a solução. Coloque-os todos ali. Familiares, colegas de trabalho, de estudos, rostos anônimos, quem tentou enganá-la no troco, quem foi rude no atendimento de uma necessidade sua, o homem que passa de carro e espirra lama na sua roupa, o empregado que responde grosseiramente, o funcionário público que a fez perder a paciência, etc.
Para cada degrau, uma pessoa, é deixada no patamar térreo. Até que todas estejam na escada.
Depois de escalar todo o time. Olhe para o horizonte distante. Lá longe, uma luz possante vem surgindo. Uma luz de um branco azulado.

 Procure sentir todo o seu ser. Perceba que antes de perdoar, você deve se perdoar. Veja-se então se libertando de toda mágoa, ódio, ressentimento, inveja, incompreensão, ciúmes, possessão.
Permita que todos esses sentimentos ruins saiam de sua mente e do seu coração. Veja essa nuvem escura abandonando seu corpo e sendo tragada pela forte luz do horizonte. 
Quando não houver mais nenhuma emoção negativa a ser absorvida pela luz; Volte-se para as pessoas que estão na escada, abaixo de você, encare-os e envie uma névoa úmida, perfumada, morna ou refrescante (dependendo do clima). Essa névoa vai sendo pulverizada sobre as cabeças dessas pessoas. À medida que a névoa vai caindo, os semblantes das pessoas se transformam.
Todos ficam serenos, com a expressão suave. Esboçam um sorriso e dirigem um terno olhar para você. Nesse momento você retribuirá com um gesto cordial. Seja um sorriso, um aceno, ou um beijo.
Aproveite a sensação de bem estar por mais alguns momentos, depois deixe a cena se desmontar e lentamente venha voltando para o aqui e agora.
Respire profundamente e abra os olhos. Observe o ambiente ao seu redor. Houve alguma mudança em você ou no ambiente?  
Registre seus sentimentos. Verifique quais foram as pessoas com as quais você teve mais dificuldade, em perdoar. Elas deverão fazer parte de um novo exercício, em uma outra ocasião.

Deixe a vela queimar até o final e retorne as suas atividades.

sexta-feira, 15 de maio de 2015

Pela cura do Planeta. (Ritual)

Para ser feito sempre aos domingos. Melhor se feito dentro da lua crescente. Eu os convido a trabalharem pela cura de si mesmos e do nosso Planeta. A Grande Mãe Terra.
Onde? Na sua casa, no banco da praça ou aqui mesmo, neste momento.
Hora: Das 13h20min às 16h00min. Ou na hora em que te for possível. 

Flor: Girassol ou Sempre- Viva. (opcional)
Incenso: Alecrim. (opcional)
Vela: na cor amarela. Quantas? Uma. Ou nenhuma. Se optou por acender coloque um copo com água ao lado da vela. Assim que a chama se apagar, tome um gole desta água e despeje o restante em um vaso de plantas, ou dê para o seu bichinho de estimação beber. (nada receie, essa água será consagrada pelo Arcanjo Rafael).
Feche os olhos. Inspire e expire várias vezes. Inspire luz, (através das narinas) expire suas emoções negativas (através da sua boca). Esta energia ruim vai sendo tragada pela luz violeta que a tudo transmuta. Nela nos libertamos do orgulho, da avareza, da vaidade, do egoísmo. 
Enquanto inspira e expira vá relaxando o seu corpo. Comece pelos pés e venha subindo até chegar o topo da sua cabeça. 
Deixe o Sol brilhar dentro do teu coração e dele emanar a luz rosa do amor incondicional.
Agora você está caminhando por uma trilha em meio à Natureza. Esta trilha te leva para o pico do mundo. Ali há uma enorme plataforma com um grupo de pessoas. Estão de mãos dadas e formam um grande círculo. Você se aproxima e é bem vinda (o) em meio a essa multidão composta por uma maioria de pessoas desconhecidas. São pessoas. Seres humanos como você, sem distinção de raça, cor ou credo. Todos estão se unindo com o mesmo propósito que o seu. O de trabalhar em prol da sua cura interior e da cura de todo o planeta. O círculo se abre para que você possa entrar e dar as mãos a dois deles. Preste atenção em quem está a sua direita e a sua esquerda. 
No centro do círculo se encontra o planeta Terra girando no espaço. Acima dele o Arcanjo Rafael.
Do centro do planeta Terra sobe uma luz azulada. 
Todos os presentes elevam as mãos em direção ao centro da Terra e começam a enviar uma luz amarelo esverdeada.
Neste momento um coro de anjos fecha o círculo humano, formando um segundo círculo, de tal modo que todos estão protegidos por um dos anjos posicionado às suas costas.
Agora o poder de cura se intensifica. Começamos a receber a energia de cura dos anjos e a doamos para a Terra. Vemos os rios correndo livres. Aspiramos o ar despoluído. Frutas, flores, e todos os tipos de alimentos emergem da Terra que a todos nutre. Vemos os animais, a força e poder de todos os elementos que compõem a natureza. Os nossos governantes sendo por nós influenciados. Nosso objetivo é o de extirpar o mau da ganância e da corrupção, abrindo assim o caminho para que a Luz possa passar e afastar as trevas e até mesmo as nossas inconscientes negações.
Ouvimos os Anjos entoando um cântico de cura. Nos deixamos ser levados pela força deste cântico. Unimos nossas vozes à dos anjos e entoamos “Todos Somos Um” 
Enquanto enviamos Paz e harmonia. Amor e alegria. Saúde e sucesso, para todos os seres humanos.
Olhe para as pessoas à sua direita, à sua esquerda e à sua frente. Sorria e diga: - Gratidão a ti meu irmão/ã por fazer parte da minha caminhada.
Inspire e expire. Veja o círculo se desfazendo... Comece a voltar para o aqui e agora. Toque o seu rosto, tome consciência do local em que você se encontra. Três, dois, um. Abra os olhos e retome as suas atividades.
Abençoados sejam e “An Ianna Lon Ya”
Meditação escrita por Edna Vezzoni.

sábado, 2 de maio de 2015

Dias da Semana: Sábado


Pode até parecer, mas sábado não é o Dia do Oba Oba (olha a mente suja!).
Sábado é regido pelos Deuses e Deusas de Saturno, popularmente conhecido como “Senhor do Tempo”. É isso aí, quando você menos espera o Tempo acabou, a vida passou e o que você fez com o tempo que lhe foi concedido??? Boa pergunta, mas aqui, a resposta tem de ser tua.
Como Senhor do Karma, Saturno é aquele que rege e lida com os mistérios da vida e da morte.
Vamos colocar as coisas assim: Saturno é aquele que te impõe um limite, ou seja, seu tempo de vida e o território no qual você irá trabalhar a sua vida. Construir a sua história pessoal e assegurar os seus bens terrenos, consciente de que eles, os bens terrenos, não te acompanharão quando sua alma alçar voo e o seu corpo for morar nas catacumbas.
Este é o dia de trabalhar a autodisciplina, a pontualidade, a estabilidade, a tolerância e a paciência. Como Saturno também lida com a Justiça este é um excelente dia para se trabalhar com as questões judiciais. Ou para pedir através da meditação a resolução das mesmas, já que Saturno simboliza o Pensamento.
Caso você careça de Perseverança, este é o dia certo para “refletir” sobre como manter a sua força de vontade em crescente constância.
Rege os signos de Capricórnio e Aquário.
Cores: preto, marrom, castanho escuro e azulão.
Metal: chumbo.
Flor: Papoula.
Joia: ônix, calcedônia, pérola ou safira.
Essência: sândalo ou mirra.
Incenso: vetiver (patchouli) ou arruda.
Elementais: Fadas e elfos, gnomos e duendes.
Fruta: Romã.
Felizes possam ser os seus sábados! Amanhã tem mais. O quê? Um dedinho de prosa, uai!
Abençoados sejam e AnIannaLonYa
(Vezzoni)


Dias da Semana. Sexta


Sexta-feira, não é o dia da cerveja! Sic???
É o dia de todas as Deusas e Deuses de Vênus.
Dentre as Deusas talvez a mais conhecida seja Afrodite, a Deusa romana, que rege o fluxo energético ao qual denominamos “AMOR”. Amor por si mesmo e pelos outros, a amizade, o prazer e a atração.
Esta senhora, da beleza e da natureza, nos leva ao crescimento e amadurecimento das nossas emoções. Portanto este é o Dia de buscar a harmonia interior. De fazer coisas que te tragam prazer, bem estar.
Rege os signos de Touro e Libra.
Cores: verde, índigo e rosa.
Metal: Cobre.
Flor: Acácia.
Joia: Esmeralda/ âmbar.
Essência: Rosa.
Incenso: Jasmim.
Elementais: Silfos e Gnomos.
Fruta: Que tal comer uma maçã bem vermelhinha???
Sexta-feira é um excelente dia para vencer, através da chama de uma vela cor de rosa, os inimigos e opositores declarados. Para tanto basta que você acenda a vela cor de rosa em intenção da Deusa Afrodite. Em um papel escreva o seu nome. Coloque o papel sobre um pires e cubra com açúcar. Diga: enquanto esta chama arde o aro de amor da Deusa se expande ao meu redor afastando tudo que atravanca a minha caminhada. (ou algo semelhante)
Espere até a vela quase terminar de queimar. Retire o papel do pires (caso queira segure com uma pinça) e leve-o de encontro à chama até pegar fogo. Enquanto ele queima diga: Contra o amor não há quem possa. Nesta chama tudo o que era ruim e contra mim enviado, foi devidamente transmutado. Pelo poder de três vezes três declaro que assim é!
Em seguida assopre as cinzas ao vento e despeje o açúcar na terra. (para quem não tem quintal pode despejar em um vaso de plantas, mesmo. O importante é que vá para a terra).
E a pergunta que não quer calar. Isto por si só já basta??? É claro que não! A vida prossegue e novos oponentes virão. Faz parte. Mas, tem um pequeno detalhe, você já sabe como trabalhar a energia da transmutação sem prejudicar ninguém. No final é isto que conta.
Agora trate de celebrar a Vida. Dance, cante, ria.
Felizes possam ser as suas sextas-feiras! Amanhã tem mais. O quê? Um dedinho de prosa, uai!
Abençoados sejam e AnIannaLonYa
(Vezzoni)

sábado, 14 de fevereiro de 2015

Dias da Semana - Quinta




Quinta-feira não é o dia do EXAGERO e sim da magnanimidade!
É o dia regido por todos os Deuses e Deusas de Júpiter. O Tio benevolente.
Pode até ser, o dia da Bolsa de Valores, mas é melhor olhar para a “sua” bolsa de valores. Aquela que é conhecida como “valor humano” dentro do qual estão contidos os valores morais a afetar a nossa conduta, consequentemente afetando os valores sociais e éticos. Nesta era, de “inversão” de valores, é um tantinho propício pedir ao Senhor da Lei(Júpiter) orientação para encontrar o caminho perdido. Principalmente o Antigo e Esquecido Legado dos Deuses que é “O seu direito termina onde o direito do outro principia”. Bem como aprender a viver pacificamente dentro do grupo ao qual pertencemos. Contribuindo com a nossa e com a evolução alheia.
Nada de restringir a palavra “grupo” ao seu clã. Lembre-se. Júpiter é a consciência expansiva. E o que isto quer dizer? Que nascemos dentro de uma família, que reside em uma casa, situada em um determinado quarteirão, pertencente a um bairro de uma certa cidade, contida dentro de um estado de um certo país que faz parte do Planeta. Simples assim!!!
Quer abrir um comércio? Quinta- feira de uma Lua Crescente, é tudo de bom!
Quer colocar “ordem” em sua vida? Comece por uma quinta-feira. Munida de lápis e papel, sente-se diante de uma mesa. Acenda um incenso ou uma vela. Feche os olhos. Respire até encontrar serenidade. Busque seu foco, seu objetivo e trace as suas metas. Abra os olhos e anote o que a “tua” sabedoria interior indicou.
Ao anotar verifique o grau de prioridades colocando-as em ordem: Para ser feito hoje. Para ser feito amanhã. Para ser feito em um mês, em seis meses, em um ano, em três anos.
Só isto já basta? É claro que não!!! Trabalhe a sua “força de vontade”, a autodisciplina, o foco, mais foco e de novo e outra vez FOCO.
Júpiter rege os signos de: Sagitário e (Peixes com sub-regência de Netuno).
As cores mais adequadas são: púrpura ou azul-escuro.
O metal: estanho.
A flor: amor-perfeito ou lírio branco.
A joia: safira/ berilo, turquesa ou crisólita.
A essência: cedro.
O incenso: anis ou sálvia.
Os elementais: do Ar seco (silfos) e do Fogo (salamandras).
Fruta: melão e avelã.
Felizes possam ser as suas quintas-feiras! Amanhã tem mais. O quê? Um dedinho de prosa, uai!
Abençoados sejam e AnIannaLonYa
(Vezzoni)

terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Dias da Semana Quarta


Quarta-feira não é o dia da Trapaça. É o dia da comunicação!!!
Este é o dia da regência dos Deuses e Deusas de Mercúrio.
Dia de “banir” boatos e ser mensageiro de “boas novas”.
Fortemente propício para a organização de tudo quanto tenha a ver com a organização de papéis. De colocar o escritório em ordem. De arrumar suas pastas ou gavetas pessoais.
Quarta-feira é um dos melhores dias, para exercitar o intelecto, para desenvolver a habilidade da comunicação e a destreza manual.
Dia de tomar cuidado com os roubos, não necessariamente de bens materiais, mas sim de energias. Preste atenção se você não está sendo “sugada (o)” além do necessário. Ou o que é mil vezes pior, se você não está roubando de si mesma seu direito divino de ser feliz, mediante seja lá qual for à situação. (mesmo que não haja opção, podemos ainda assim escolher qual é a cantiga da nossa vida).
Mercúrio rege os signos de: Virgem e Gêmeos.
As cores mais adequadas são: laranja ou as outonais.
O metal: alumínio e mercúrio.
A flor: lírio do vale.
A joia: cornalina ou ágata.
A essência: hortelã.
O incenso: lavanda.
Os elementais: silfos, zéfiros, fadas e elfos.
Fruta: amora, pêssego ou goiaba vermelha.
É um bom dia para “acalmar os nervos”. Com o quê???
Primeiro tomando um banho de ervas, feito com folhas de hortelã ou erva cidreira. Depois ingerindo um chá de maracujá ou camomila. Na sequência, sente-se confortavelmente e desligue-se do mundo ao seu redor. Feche os olhos. Inspire e expire profundamente e passe a prestar especial atenção no Ar que entra e sai do seu corpo. Inspire pelo nariz e expire pela boca, por no máximo nove vezes. Depois apenas pelo nariz. Quanto tempo??? Até que tenha sido o bastante para si.
Felizes possam ser as suas quartas-feiras! Amanhã tem mais. O quê? Um dedinho de prosa, uai!
Abençoados sejam e AnIannaLonYa
(Vezzoni)

domingo, 8 de fevereiro de 2015

Dias da Semana. Terça-feira


Ufa, ufa!!!
Terça-feira não é o dia da pancadaria, nem tampouco o da declaração mundial da guerra.
Este é o dia da regência de todos os Deuses e Deusas de Marte com a sub-regência de Plutão.
É o dia do “calor” humano. Dia de desenvolver a coragem necessária para enfrentar com dignidade, os desafios impostos pela vida ou autoimpostos. De vencer os obstáculos.
Dia de se defender armados com a “espada” do vigor e, com o “escudo” da cordialidade. Dia de “cortar” a nossa maledicência e a maledicência alheia com a beleza do arco-íris.
Dia de entender que o ódio gera grilhões de ferro nos prendendo em uma guerra interminável.
Terça-feira é o dia de “forjar” a autodisciplina e as mais “altas” aspirações que farão de ti, um grande vencedor.
Marte rege os signos de Áries e (Escorpião com Plutão na sub-regência).
As cores mais adequadas são: vermelho, escarlate e carmesim escuro.
O metal: ferro e aço.
A flor: Palmas de Santa Rita vermelhas. Cravos vermelhos e primaveras (também vermelhas).
A joia: granada e ágata vermelha.
A essência: pinho.
O incenso: cedro.
Os elementais: Salamandras.
Fruta: uva verde, manga e maçã.
Terça é um dia perfeito, para “doar” sangue aos bancos hospitalares, tanto quanto para fazer o “potinho da proteção”. Proteger-se de que? Ir contra os perigos que possam vir através do fogo ou das armas cortantes.
É bem simples. Em um potinho de vidro transparente, ou taça, coloque sal grosso, no centro da taça uma bela cabeça de alho e ao redor firme pimentas vermelhas. Utilize sempre o número impar, três, cinco, sete ou nove (para as pimentas). O número de Marte é nove.
Depois de pronto, coloque o potinho em um local que não incomode ninguém, como por exemplo, em cima da geladeira. Refaça o potinho quando o alho ficar murcho.
E o que quê eu faço com o com os itens a serem descartados??? Coloque no lixo!
Felizes possam ser as suas terças-feiras! Amanhã tem mais. O quê? Um dedinho de prosa, uai!

Abençoados sejam e "An Ianna Lon Ya"
(Vezzoni)

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Dias da semana. Segunda


Segunda-feira não é o dia do “aí que saco, a semana recomeçou”!!! Também não é o dia da preguiça.
Segunda-feira é o dia da Regência de todas as Deusas da Lua. Dia de entrarmos em contato com o “Sagrado Feminino” e, por analogia, com os aspectos do nosso Lar, enquanto casa dentro da qual residimos com os nossos familiares. Entendendo que casa (construção) é o local que nos abriga das intempéries do tempo.
Casa, também o é o nosso corpo, que abriga a nossa alma para mais uma vida de aprendizado.
Segunda-feira é o dia em que trabalhamos (consciente ou inconsciente) o desenvolvimento das nossas capacidades psíquicas. A intuição, percepção, mediunidade. É o dia em que “resgatamos o que estava perdido” em nosso inconsciente e no inconsciente coletivo. É o dia em que fazemos jus ao nosso Direito Divino de recebermos e lidarmos com as nossas heranças, sejam elas heranças materiais ou heranças espirituais, proveniente dos Deuses Antigos. É o dia correto para se “sonhar” com um novo dia. Claro, este deve ser um sonho objetivo e não subjetivo. Deve ser um sonho passível de ser realizado dentro de um médio prazo. Como “sonhar” com a construção daquela piscina, ou com aquele cruzeiro marítimo...
Assim como sexta-feira é o dia do Amor, segunda-feira é o dia da Proteção, de si e dos outros.
A Lua rege o signo de Câncer.
As cores mais adequadas são: branco, prata, lilás rosado.
O metal: prata.
A flor: todas as flores brancas.
A joia: esmeralda.
A essência: madressilva.
O incenso: violeta.
Os elementais: Ninfas, ondinas, sereias e fadas das nascentes.
Fruta: Pera.
Segunda-feira é um ótimo dia para tomar um banho com ervas que tragam proteção ao nosso campo energético. Tais como: arruda, sálvia ou guiné.
O banho por si só já é o bastante? Obviamente que não! Mas, já é alguma “coisinha” feita em prol de si mesma (o). Aqui o que impera é o famoso “orai e vigiai”, os seus pensamentos e sentimentos.
Feliz segunda-feira feira! Amanhã tem mais. O quê? Um dedinho de prosa, uai!
Abençoados sejam e An Ianna Lon Ya
(Vezzoni)

Dias da Semana


Sinto muito, mas, alguém te enganou! Domingo não é o último dia da semana e sim, o primeiro.
Domingo é um dia regido pelos Deuses e Deusas Solares. O Sol é o número um. Ou seja, tudo aquilo que inicia. E o que lidera não descansa, posto que, tendo concluído uma tarefa já está abrindo outra picada na mata... O um, ou o Sol vê muito além do que possamos supor.
Como planeta da Luz, o Sol rege a sinceridade (um dos valores perdidos nesta era de inversão de valores). A influência desta Luz, solar, nos leva a amar a verdade e a justiça a tal ponto que, desenvolvemos repugnância por todas as praticas desonestas ou imorais.
É ainda o Sol, o responsável por desenvolver em nós o senso de honra e responsabilidade. (assim como antigamente empenhava-se o fio do bigode como garantia da palavra dada).
Domingo é dia de lidar com o “poder” natural, seu e dos pontos de força da mãe natureza.
Dia de “projetar” as suas ambições, e conspirar para que o Universo conspire a seu favor. Como??? (ambicionando algo que seja benéfico para si e para todos os envolvidos).
Como faço isso? Acalmando a mente por alguns instantes e buscando encontrar no âmago do seu ser, qual é de fato a maior ambição da sua vida. Traduzindo em miúdos, sintonize-se com o seu Sol interior e procure ouvir e compreender o real desejo da sua alma.
Neste dia, busque a cura para os seus males, vergue o orgulho exacerbado, liberte-se do rancor, livre-se da vaidade descabida, rompa com a indiferença e bana definitivamente a crueldade. Não importa se estes estados estão dentro de ti ou se és vítima dos mesmos.
Rege o signo de Leão.
Cores: amarelo, laranja e dourado.
Metal: ouro.
Flor: girassol.
Joia: Cornalina, topázio e diamante.
Essência: cravo ou flor de laranjeira.
Incenso: olíbano, louro ou limão.
Elementais: salamandras.
Fruta: laranja e demais cítricas.
Ah é, ia me esquecendo da dica: deixe algumas cascas de laranja penduradas (no varal, sem tomar chuva) até que sequem. (é um símbolo de sorte e prosperidade) após a secagem guarde-as em potes de vidro para futuros “feitiços”, hahahaha.
Felizes possam ser os seus domingos! Amanhã tem mais. O quê? Um dedinho de prosa, uai!
Abençoados sejam e "An Ianna Lon Ya"

(Vezzoni)

terça-feira, 6 de janeiro de 2015

Receita da bruxa.



Expulsando as energias negativas:
Para “limpar” a casa quando as energias estiverem densas ou para a virada do ano.

Álcool com Cânfora. — Explicação

Diluir 03 pedras de cânfora em um litro de álcool e 10 gotas de essência de verbena ou limão – deixar de um (1) dia para o outro – depois transferir para um borrifador.

Ir para o último cômodo da casa. Entrar pelo lado direito da porta (já borrifando a essência) e sair pelo lado esquerdo da porta – sempre dizendo: “Nesta casa permanecem, apenas e tão somente, as energias positivas que nos auxiliam a evoluir”.
Conforme for saindo dos cômodos, ir fechando atrás de si, as portas e janelas, se houverem.
O último lugar a ser limpo, deve ser aquele cuja porta de entrada esteja localizada. Sair no corredor, ou jardim de entrada e borrifar o álcool ao redor da porta de entrada. Fechar os olhos.
Mentalizar, um local seco e árido, e enviar com a mão esquerda toda a energia negativa retirada do seu lar, dizendo: “Eu, (nome completo) envio esta energia densa, da qual não necessito, para o local mais árido, e isolado da Terra, para que não tenha forças atuantes, para que não prejudique a nada, nem a ninguém, e jamais para cá retorne. Em nome da Deusa da Purificação, assim é e assim será, porque eu determinei”.

Água Salgada e Ervas – Explicação

• 01 bacia de ágata (branca e pequena) ou tigela de louça branca;
• Colocar água e 07 punhados de sal grosso.
• Fazer uma pequena vassoura com as seguintes ervas: arruda, alecrim, manjericão miúdo, salsinha e hortelã;
• Levantar a mão esquerda, com a palma voltada para cima, e a direita voltada para a bacia de água e dizer: “Abençoada és tu, ó criatura da fonte sagrada da vida que nos nutre. Que você, se preste ao propósito de me auxiliar na limpeza que necessito executar.”;
• Respirar fundo, abrir os olhos;
• Proceder da mesma maneira que você procedeu quando da limpeza com o álcool e a cânfora.
• Segurar a bacia com a mão esquerda, e a vassoura de ervas na direita, ir aspergindo água com a vassoura e dizendo: “Com a água salgada, e as ervas sagradas da Deusa e do Deus, eu limpo e purifico este ambiente, banindo daqui as energias negativas que impedem este lar de estar em harmonia”.
• Ao chegar à porta de saída, proceder exatamente como na limpeza da cânfora, e assim que tiver expulsado a energia para o local árido e seco, cobrir a bacia, pode ser com pano preto ou tampa de panela, para poder entrar em casa.
• Ir direto ao banheiro, para despejar a água e dar descarga. Lavar a bacia e guardá-la.
• Atear fogo no caldeirão de ferro, ou outra vasilha, e queimar as ervas, agradecendo-as pelo auxílio prestado.
• Tomar um banho, e trocar a roupa que estava usando, e, por favor, procure usar agora uma roupa clara.
• Acender um incenso harmonizador e uma vela lilás (comum) no local onde você “sentiu” uma maior concentração da energia negativa, enquanto fazia a expulsão.
• Oferecer a vela e o incenso aos “Deuses da Transmutação”. Aqui você é livre para entoar um cântico, um mantra, fazer um salmo, ou uma oração que brote do seu coração.
• É conveniente, deixar uma taça com água, ao lado da vela.
• É bom oferecer flores neste dia, aos Deuses da Transformação (pode ser um botão de rosa; 01 galho de flor do campo 01 vasinho de violeta). Enfim!

OBS: Esta limpeza deve ser precedida de uma limpeza, e organização física da casa.
Este ritual de limpeza, e purificação, foi por mim projetado, e compartilho de coração aberto, com você.
Edna Vezzoni Autora de "Tecendo a Teia da Vida, por Pina a Velha" e "Abre-te Baú, dos Mistérios da Bruxaria" à venda na Likestore:

https://www.facebook.com/pages/Vezzoni+Livros/224168474299077?sk=app_206803572685797

sábado, 3 de janeiro de 2015

Trabalhando com as Fadas.

Vim desejar um Feliz 2015 a todos e deixar e compartilhar um pequeno, mas poderoso ritualzinho do fundo do Baú.



Olá sou a Fada dos Desejos !!!

Em uma manhã de sexta-feira, coloque na janela um arranjo de flores com a maior variedade de cores possível, junto com algumas balas e doces. Escreva seu pedido em um papel azul, enrole-o e deposite junto às flores. Deixe ali até Domingo. Depois queime seu pedido na chama de uma vela azul e assopre as cinzas pela janela. Aguarde tranquilamente... Atenderei seu pedido, se o que me pedires não for prejudicar ninguém, caso contrário, nada feito !!!  

Pode ser feito em qualquer sexta-feira.
Beijos e inté!

sexta-feira, 2 de janeiro de 2015

Ano Novo. Vida Nova.


Oi gente! Acho, quer dizer, penso que voltei. A intenção é a de reativar este antigo velho novo blog!!!
Prometi a mim mesma que neste ano eu faria coisas novas. Como o quê, por exemplo???
Me dar (sei que o correto é dar-me) permissão de ser assim como sou. Como assim? Ih, é uma longa história a ser contada ao longo de 2015 conforme me der na veneta.

Inté mais ver.